Escolha do serviço

Ouvir com ReadSpeaker

Encontrar a oferta mais adequada

Os operadores disponibilizam inúmeras ofertas no mercado, o que pode dificultar a sua escolha. Cada tarifário tem vantagens e condições particulares, que são mais ou menos apelativas consoante o seu perfil de consumo.
Por exemplo, se costuma fazer mais chamadas para números móveis do que para números fixos, será, em princípio, mais vantajoso para si escolher um serviço telefónico móvel, já que os preços entre serviço telefónicos do mesmo tipo são, regra geral, mais acessíveis. Há também tarifários que incluem um determinado número de minutos em chamadas para a mesma rede, que serão mais vantajosos se faz mais chamadas para números dessa rede, e tarifários que incluem um plafond de minutos para todas as redes, que poderá escolher se a maioria das chamadas que faz se destina a outras redes que não a sua.
Já se costuma fazer mais chamadas para números fixos, nacionais ou estrangeiros, informe-se sobre as ofertas do serviço telefónico fixo existentes – muitas delas já incluem no preço mensal chamadas para números fixos nacionais e há ainda tarifários que incluem chamadas para determinados países estrangeiros em determinados horários.
Na Internet, se apenas a utiliza para consultar o seu e-mail ou visitar páginas de notícias ou afins, talvez não precise de um tarifário com tráfego ilimitado, considerando que estes são geralmente mais caros e farão mais sentido para os utilizadores que fazem uma utilização intensiva da Internet – carregam e descarregam conteúdos (fotos, vídeos, etc.), veem vídeos em streaming, etc.
Na televisão, liste os canais que vê com mais regularidade ou que não dispensa e confirme se não estarão disponíveis nas ofertas com menos canais. Nesse caso, não será necessário optar por um tarifário com centenas de canais, que será mais caro e não lhe trará vantagens de maior.
Os pacotes de serviços podem ter vantagens, como a possibilidade de ter mais serviços a preços competitivos, o facto de receber uma só fatura, etc. No entanto, deve sempre confirmar se são mesmo a escolha mais adequada para si. Se, por exemplo, costuma ver os seus programas favoritos através da Internet e nunca usa o telefone fixo, talvez seja mais vantajoso contratar um serviço de Internet fixa autónomo, com velocidades e limites de tráfego elevados ou mesmo sem limite de tráfego, em vez de um pacote com mais serviços mas com menos velocidade e tráfego de Internet.
Para saber quais as ofertas disponíveis no mercado, contacte os vários operadores. Pode também utilizar o COM.escolha, o comparador de tarifários da ANACOM. Através desta ferramenta, pode consultar tarifários e simular consumos de Internet, telefone móvel, telefone fixo e televisão, de forma a identificar a que melhor se adequa às suas necessidades.
 

Duração das promoções

Os operadores lançam periodicamente campanhas promocionais que incluem a oferta de uma ou mais mensalidades, um desconto no valor das mensalidades ou a oferta do valor de equipamentos ou serviços/funcionalidades adicionais (videoclube, canais premium, etc.).
É importante que se informe sobre a duração das promoções associadas ao tarifário a que pretenda aderir. Algumas destas promoções são temporárias, o que significa que depois de acabar a promoção passará a pagar um valor mensal mais elevado, que corresponde ao valor do tarifário sem descontos.
Além disso, estes tarifários promocionais têm, em regra, um período de fidelização associado, o que significa que se quiser cancelar o contrato antes de o cumprir pode ter de pagar encargos.
Antes de contratar uma destas ofertas, o operador deve prestar-lhe toda a informação relevante para a sua decisão. Peça sempre as condições da oferta por escrito e não contrate sem as ler.
 

Cobertura do serviço e condições das ofertas

O mercado dos serviços de comunicações eletrónicas funciona em concorrência, o que significa que são os operadores que determinam as zonas onde pretendem disponibilizar os seus serviços e quais as características das ofertas que lançam no mercado, designadamente no que respeita aos preços aplicáveis. A informação sobre a disponibilidade dos serviços e respetivas condições de prestação deve ser divulgada pelos operadores nas suas páginas na Internet e em todas as lojas.
Se quer contratar um determinado serviço mas não sabe se ele está disponível na sua morada, contacte o call center do operador ou consulte a respetiva página na Internet. Os operadores têm ferramentas online através das quais, fornecendo dados como o código postal, pode saber se o serviço que quer contratar está disponível na sua morada. Em alternativa, pode também dirigir-se a uma loja e pedir informação ao funcionário.
Sem prejuízo, o seu contrato deve prever se o serviço que contratou está disponível na área onde pretende utilizá-lo ou se o operador tem de fazer testes para confirmar essa disponibilidade. Se o serviço não puder ser prestado por falta de cobertura, tem direito a pedir o reembolso do que já pagou e a cancelar o contrato.

Atenção! O operador do serviço universal de telefone fixo – a NOS Comunicações – deve sempre assegurar a disponibilização deste serviço a todos os utilizadores que o solicitem, independentemente da sua localização.